Como será 2014?

Por Assad Frangieh. Apesar de 2013 ter sido um ano caracterizado principalmente pelo ressurgimento da multipolaridade, 2014 será o ano que o Urso Russo rugirá mais alto. Acordou na Geórgia em 2008, se revelou na Síria em 2013, em provocação atual na Ucrânia e cutucado agora em seu próprio território. Após os dois atos suicidas ...

Algo de bom em 2013 6

Por Claudio Daniel. Gostaria de destacar alguns eventos como os mais importantes daquilo que aconteceu em 2013. 1) Os Estados Unidos não podem mais impor sua vontade ao mundo, do mesmo modo como faziam antes — foram obrigados a recuar de seus planos de ataque à Síria, ao Irã e à Coreia Popular, graças à ...

Fustigar a besta Ianque!

Por Chauke Stephan Filho. As sanções ocidentais contra o Irã mostram especialmente bem mais  um pouquinho do segredo que a mídia corporativa mantém fechado a sete chaves da realidade de serem os Estados Unidos Estados bandidos. A sabotagem usamericana contra a economia e o poder iranianos desmascara  os amos de Obama. Este lacaio-mor, o besta da ...

Solidariedade com os Trabalhadores de Adra

Indignada com a agressão aos trabalhadores sírios na cidade industrial de Adra, a Central Geral dos Trabalhadores do Brasil – CGTB lançou uma Carta Aberta ao Governo e ao Congresso do Brasil para demandar a tomada de providências junto à Organização Internacional do Trabalho no sentido de que o terrorismo que atinge a população síria ...

As muitas faces da ira saudita

Por MK Bhadrakumar, Strategic Culture. Na  última quinzena, a Arábia Saudita elevou muito o tom de sua retórica para manifestar fúria contra as políticas regionais dos EUA no Oriente Médio, especialmente para Síria e Irã. Semana passada, o tom chegou a picos altíssimos, com duas figuras chaves do regime saudita alternadamente satirizando e ameaçando o ...

Arco da Segurança no O.M. contra o Terror

Por Sharmine Narwani, Al-Akbar, Líbano. Muitos observadores acertam, ao perceber que está em andamento outra mudança sísmica no Oriente Médio, a qual – com a destruição dos arsenais químicos da Síria, negociada com intermediação dos russos; uma reaproximação EUA-Irã; a queda na importância estratégica de Arábia Saudita e Israel; e a retirada dos EUA do Afeganistão ...

Guerra de existência, não de privilégios.

Por Mohamed Salami, Al-Manar TV. O secretário-geral do Hezbollah, Sayyed Hasan Nasrallah, disse que o Partido combate na Síria uma guerra pela existência do Líbano, da Síria e da Palestina, não guerra por privilégios privados.  Na cerimônia em memória do mártir comandante Hassan Lakkis, no complexo de Sayyed Shohadaa, Sayyed Nasrallah disse que facções takfiri ...

Outra desinformação da Rede Globo 2

Por Patrícia Al-moor.* Não costumo assistir televisão e confesso que não é raro eu me surpreender com algum tipo de discussão envolvendo algum episódio, personagem ou desinformação sendo difundida de forma no mínimo leviana pela televisão brasileira. Se considerarmos que as telenovelas também são possuidoras de uma importância cultural e política, tendo em vista sua ...

Assad fica e Erdogan é quem se vai?

Moon of Alabama. Traduzido pelo pessoal da Vila Vudu. A Agência Reuters noticia que os governos de EUA e Grã-Bretanha dão sinais de que podem ter desistido da “mudança de regime” na Síria: Nações ocidentais indicaram à oposição síria que as conversações de paz do próximo mês podem não levar à remoção do presidente Bashar al-Assad e que sua minoria ...

A Casa de Saud ameaça: verdade ou encenação? 1

The Saker. Tradução Vila Vudu. Semana passada, Sua Alteza Real Príncipe Prince Mohammed bin Nawaf bin Abdulaziz al Saud,[1] embaixador da Arábia Saudita na Grã-Bretanha e membro da Casa de Saud, fez publicar coluna assinada no New York Times, intitulada “A Arábia Saudita prosseguirá sozinha”.[2] Além das frases de sempre, de propaganda ideológica e uma ...