O mundo pós-guerra russo-ucraniana e a nova bipolaridade ampliada

Bruno Lima Rocha Beaklini 21 de Março de 2022 às 13:07 Para os poderes ocidentais, frear a Rússia é atingir a China; já Beijing reforça seus laços na Ásia Diante do conflito russo-ucraniano e obviamente, da perspectiva cada vez mais real de uma Nova Guerra Fria, unificando o Sistema Cinco Olhos (os países anglo-saxões liderados ...

Alastair Crooke: Confiscar as reservas russas resultou em empurrar o mundo diretamente para um novo sistema monetário internacional 

21/3/2022, Alastair Crooke, Al Mayadeen Net  [Tradução automática, por Google Translator, corrigida e revista, para finalidades acadêmicas, sem valor comercial.] Fato é que a atual operação militar na Ucrânia acabará, no devido tempo, relegada ao status de  pouco mais de uma nota de rodapé na história global. Mas a guerra financeira total que repercutiu na ...

Rússia: Agora falam profissionais que entendem do riscado…

  25/6/2021, Andrei Martyanov, Blog Reminiscence of the future Passando aqui, na correria. “Um ‘erro de cálculo’ no jogo de gato e rato com a Rússia pode levar à guerra, alertou o comandante das Forças Armadas britânicas, depois de confronto tenso no Mar Negro, essa semana. O general Sir Nick Carter, chefe da Defesa, disse ...

Aliança sino-russa chega à maioridade (3/3) 

22/9/2020, MK Bhadrakumar, Asia Times ____________________________________ “Quintessencialmente, Rússia e China contestam um conjunto de práticas neoliberais que evoluíram na ordem internacional pós-Segunda Guerra Mundial e que validam o uso seletivo de direitos humanos como valor universal que legitimaria a intervenção ocidental nos assuntos internos de Estados soberanos. Por outro lado, também aceitam e continuamente afirmam ...

Movimento da China em Hong Kong ilustra fim da superioridade dos EUA

22/5/2020, Moon of Alabama Culpar a China pela pandemia de Covid-19 é erro e mentira. Mas os EUA continuam a fazer precisamente isso, como parte de sua estratégia maior anti-China. Com os EUA ainda ocupados tentando dar combate à pandemia em casa, a China dentro de suas fronteiras já derrotou a mesma pandemia. Atualmente, a China ...

Pepe Escobar – A falência total do sistema dará origem a uma nova economia 1

Por Pepe Escobar especial para o Asia Times Ninguém, em lugar algum, poderia ter previsto o que estamos testemunhando agora: em apenas algumas semanas o colapso acumulado das cadeias de suprimento globais, da demanda agregada, do consumo, investimento, exportações, mobilidade. Ninguém aposta mais em uma recuperação em forma de L – para não dizer uma recuperação ...

Uma lição que o coronavírus está prestes a ensinar ao mundo

17/3/2020, Jonathan Cook Blog Se alguma doença ensinar sabedoria além do que compreendemos sobre o quanto a vida é precária e preciosa, o coronavírus já trouxe duas lições. A primeira dessas lições é que, em mundo globalizado, todas as vidas estão tão entrelaçadas que a ideia de nos vermos como ilhas – sejam indivíduos, comunidades, ...

Irã apreende petroleiro britânico no Estreito de Ormuz

19.07.2019 O Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC) afirmou nesta sexta-feira (19) que apreendeu o petroleiro britânico Stena Impero no Estreito de Ormuz após a embarcação desrespeitar a legislação internacional de navegação. Segundo informações publicadas pela televisão pública do Irã, o petroleiro foi capturado após pedido das autoridades da província iraniana de Hormozgan e entregue ...

Ministerio da Defesa da Rússia: Londres e os “Capacetes Brancos por trás da montagem do “suposto” ataque químico” de Duma

O Ministério da defesa russo apresentou o que ele disse é a prova de que o suposto ataque químico na Síria foi uma encenação. Ele também acusou o governo britânico de pressionar os autores a criar uma provocação. Durante uma conferência de imprensa na sexta-feira, o Ministério mostrou entrevistas com duas pessoas que são profissionais ...

Sistema de defesa antiaérea sírio interceptou 71 de 103 mísseis lançados pela coalizão

Segundo disse neste sábado (14) o Estado-Maior da Rússia, os aeródromos sírios que foram alvos do ataque da coalizão internacional liderada pelos EUA não ficaram afetados. “Segundo as informações disponíveis, foram lançados 103 mísseis de cruzeiro, incluindo Tomahawk de baseamento naval, e bombas de fragmentação guiadas GBU-38 a partir de aviões B-1B. Aviões F-15 e ...