Rússia entrou na alcova da OTAN

1/7/2017, MK Bhadrakumar, Indian Punchline Traduzido por Vila Vudu Será que se pode dizer que nasceu uma “beleza terrível” no baixo ventre da OTAN — tomando emprestadas as palavras do poeta anglo-irlandês Y. B. Yeats?[1] Moscou revelou na 5ª-feira que foi concluído o contrato entre Rússia e Turquia para venda de sistemas de mísseis de defesa de ...

Washington e Berlin em rota de colisão

30/6/2017, Pepe Escobar, SputnikNews Traduzido por Vila Vudu A nova lei de sanções contra a Rússia aprovada no Senado dos EUA por 98:2 dia 15/6 é um bomba: demoniza diretamente o gasoduto Ramo Norte 2 (ing. Nord Stream 2), submarino, por baixo do Mar Báltico, previsto para duplicar a capacidade da Gazprom para fornecer gás ...

Senado dos EUA contra a desigualdade na sociedade russa? Oligarcas são alvo de nova lei de sanções

3/7/2017, John Helmer, Dances with Bears Traduzido Por Vila Vudu Nunca, desde que o governo alemão deu jeito para que Vladimir Lenin voltasse à Rússia cruzando território alemão num trem blindado dia 16/4/1917, nenhum estado estrangeiro em guerra contra a Rússia tomou medida tão revolucionária quanto o Senado dos EUA, dia 15/6/2017. Nessa data, em ...

Negabilidade plausível contra adversário que mente sistematicamente

28/6/2016, The Saker, Unz Review e The Vineyard of the Saker Traduzido por Vila Vudu A Internet anda fervendo, com reações contra o mais recente relatório de Stratfor sobre como se desenrolaria um confronto militar entre Rússia e os EUA. Não consegui o texto integral que, suponho, é reservado a assinantes pagantes de Stratfor (e, ...

Força Aeroespacial russa ‘quebra a espinha’ do terrorismo mundial na Síria

A Força Aeroespacial russa se tornou o ramo mais poderoso das Forças Armadas do país que permite lutar com sucesso contra o terrorismo mundial, declarou o comandante da Força Aeroespacial da Rússia, coronel-general Viktor Bondarev. “Recebemos periodicamente novos modelos de armas e equipamentos de combate, graças ao que a Força Aeroespacial quebra com sucesso a ...

Putin dá luz verde aos economistas nacional-desenvolvimentistas que resistem contra as políticas globalistas neoliberais

Depois de mais de dois anos de crescimento econômico cada vez menos satisfatório e com a economia lutando contra taxas de juros de 10,5% do banco central, que tornam virtualmente impossível que novos créditos estimulem o crescimento, o presidente russo Vladimir Putin afinal rompeu um impasse interno, entre dois blocos de especialistas. 2/8/2016, F. William ...

Almirante americano: ‘Voltamos à competição entre os dois impérios’

A Rússia está aumentado a sua presença nos mares e oceanos, possuindo submarinos melhor armados e mais silenciosos, contestando o domínio da frota submarina ocidental, declaram militares americanos. Segundo eles, os submarinos russos manifestam mais atividade, o que pode significar que Moscou tenta desafiar o domínio dos submarinos dos EUA e da OTAN, escreve o ...

Rússia expulsa do círculo do poder exclusivista ocidental

9/4/2016, Global Times, Pequim Traduzido por Vila Vudu __________________________________ A Rússia anunciou mais cedo que estabelecerá uma força de Guarda Nacional de 400 mil soldados sob liderança direta do presidente Vladimir Putin. A mídia-empresa ocidental viu aí um sinal dos graves desafios políticos que a Rússia enfrenta. À parte ser repetidamente descrito pelo ocidente como ...

A Rússia e a Vitória 1

Thierry Meyssan O anúncio da retirada parcial do exército russo da Síria levantou inúmeros comentários que ilustram as posições parciais, de uns e de outros, mais do que a realidade. Não somente, observa Thierry Meyssan, os factos atestam que os desacordos entre Moscovo e Damasco foram resolvidos, mas a Rússia —que conseguiu fazer bascular o ...

Medvedev adverte que invasão à Síria pode provocar guerra mundial

 O primeiro-ministro da Rússia, Dmitry Medvedev, declarou nesta quinta-feira, em entrevista ao jornal alemão Handelsblatt, que uma ofensiva terrestre estrangeira na Síria poderá significar o início de uma nova guerra mundial. “As ofensivas terrestres fazem geralmente com que uma guerra se torne permanente”, advertiu o premier russo, acrescentando que “todas as partes devem ser forçadas a ...