Vaza aúdio onde John Kerry pede a a intervenção na Síria 2

Share Button

Wikileaks vazou esta semana um relatório da reunião do secretário de Estado americano, John Kerry, com os membros da oposição síria na missão holandesa da Organização das Nações Unidas, trazendo à luz uma conversa de 35 minutos que foi omitida pela CNN.

Durante a conversa com os membros da oposição síria, John Kerry admitiu que ele pessoalmente fez pressão pela intervenção na Síria, mas acabou perdendo o debate.

“Eu perdi o debate sobre o uso da força na Síria”, disse John Kerry para os membros da oposição síria.

 

Segundo o Wikileaks, “o áudio dá uma ideia do que acontece fora das reuniões oficiais…”

Além de admitir que ele pressionou para a intervenção na Síria, John Kerry admitiu os EUA viram o Estado Islâmico crescer desde longe (sem fazer nada NTpara forçar Assad a negociar com eles. No entanto, mais tarde, seria contraproducente, pois esta foi a razão para o início da intervenção russa contra o grupo terrorista.

O áudio foi originalmente vazado para o New York Times no final de setembro. CNN, que é a fonte publicaria o áudio para posterior eliminação.

———————————————————————

Focused on propaganda, communication and visual analysis. Interested in Geopolitik and armed conflicts, especially in Middle East and North Africa. You can follow him on twitter: @florenenero
Share Button

2 thoughts on “Vaza aúdio onde John Kerry pede a a intervenção na Síria

  1. Responder Mauro jan 5, 2017 14:32

    Os povos do mundo deveriam perguntar aos líderes ocidentais e seus aliados: Por que vocês estão prolongando esta guerra? Por que continuam a fornecer liberdade de ação e fundos para os terroristas? Cinco anos de guerra ininterrupta já não foram suficientes? Vale mesmo a pena tanta morte e sofrimento apenas para derrubar o governo da Síria?

    Caleb T. Maupin

    Mint Press

    http://choldraboldra.blogspot.com/2016/05/a-verdade-sobre-siria-uma-guerra.html

Deixar um comentário