Como nasceu e cresceu a crise da moeda da Turquia

10/8/2018, Moon of Alabama [atualizado até hoje, ao final do artigo] O presidente Erdogan da Turquia repete sempre que ‘potências estrangeiras’ (quer dizer: os EUA) querem derrubá-lo. Diz que o ‘lobby de interesses’ (quer dizer: banqueiros; quer dizer: banqueiros judeus) quer prejudicar a Turquia. De certo modo, acerta nas duas pontas. Desde a semana passada, ...

Trump autoriza refugiados sírios a regressar sob a proteção do Presidente al-Assad

Rede Voltaire | 29 de Julho de 2018 No seguimento das Cimeiras da OTAN e de Helsínquia, a Rússia e os Estados Unidos acordaram evacuar o pessoal ocidental da Síria e repatriar os refugiados sírios. Vladimir Putin e Donald Trump acordaram considerar que os refugiados que fugiram da República Árabe da Síria são apenas uma ...

Conversações de Helsinki- Trump tenta reequilibrar o triângulo global

17/7/2018, Moon of Alabama “No futuro hoje previsível, o mundo terá três centros de poder. Uma Anglo-América atlanticista, Rússia e China. (A Europa, envelhecida e desunida, irá para onde os ventos a levem.) Esses centros de poder jamais farão guerra direta uns contra outros, mas não pararão de criar situações para desestabilizar as respectivas periferias. ...

Rolê pelo lado selvagem. Trump encontra Putin na Estação Finlândia

17/7/2018, Pepe Escobar, Asia Times “Todo mundo tinha de pagar e pagava um michê aqui, um michê ali” Rolê pelo lado selvagem (Lou Reed) “O outro elemento do gênio de Marx é uma intuição psicológica peculiar: ninguém jamais enxergou com olhos tão implacáveis a infinita capacidade humana de não perceber ou de encarar com indiferença ...

A Cruzada Geopolítica de Trump

14/7/2018, Rostislav Ishchenko, uckraina.ru, in Stalkerzone [trad. ru.-ing. Ollie Richardson e Angelina Siard, in The Vineyard of the Saker, versão aqui retraduzida] Se se aborda essa questão com sensibilidade, sem excesso de emoções, logo se vê claramente que o “imprevisível Trump” é, na verdade, mais previsível que o “previsível Obama”. Ouvimos incontáveis vezes que Trump ...

Quem tem medo do encontro Trump-Putin?

  27/6/2018, Stephen Cohen, The Nation Stephen F. Cohen, professor emérito de Política e Estudos Russos na NYU e em Princeton, e John Batchelor continuam suas conversas semanais sobre a nova Guerra Fria EUA-Rússia. As emissões anteriores do programa, que já está no quinto ano, podem ser ouvidas (ing.) em TheNation.com. Discutindo a aparente decisão ...

Que sentido haveria, por hora, num encontro Trump-Putin?

13/6/2018, Alastair Crooke, Strategic Culture Foundation O presidente Trump trouxe à baila a ideia – e chegou a sugerir um convite ao presidente Putin, para que viesse a Washington. Ostensivamente, parece boa ideia: détente entre Rússia e EUA permitiria escoar a pressão geopolítica que cresce na ‘retorta’ cheia, já estourando nos rebites. Uma reunião de ...

Guerra econômica ou «guerra absoluta» ?

Jean-Claude Paye Apoiando-se na Estratégia de Segurança Nacional de Donald Trump, Jean-Claude Paye reanalisa a articulação das políticas econômica e militar da Casa Branca. Ele analisa a oposição entre dois paradigmas econômicos, um promovendo a mundialização do capital (apoiado pelo Partido Democrata) e o outro a industrialização dos EUA (apoiada por Trump e uma parte ...

Oriente vs. Ocidente O “duelo das cúpulas” esse fim de semana tem algo para os livros de História

10/6/2018, Pepe Escobar, Asia Times, de The Vineyard of the Saker O inferno desabou sobre o G6+1, também chamado G7, em La Malbaie, Canadá, quando todos só pensavam na divina integração eurasiana na Organização de Cooperação de Xangai, OCX, em Qingdao, China, em Shandong, província natal de Confúcio. O presidente Donald Trump dos EUA foi ...

Por que Índia ignora sanções dos EUA e une-se ao Irã

3/6/2018, Pepe Escobar, Asia Times Prestem toda a atenção ao que o ministro de Relações Exteriores da Índia Sushma Swaraj, disse depois de se reunir com o ministro de Relações Exteriores do Irã Javad Zarif, no início dessa semana, em Nova Delhi: “Nossa política exterior não é feita sob pressão de outros países (…) Reconhecemos ...