Pepe Escobar: Nosso sombrio futuro: neoliberalismo restaurado ou neofascismo híbrido? 2

Com o espectro de uma Nova Grande Depressão pairando sobre grande parte do planeta, as perspectivas realpolitik de uma mudança radical na estrutura da economia política na qual vivemos não são exatamente animadoras 2 de junho de 2020 Por Pepe Escobar, especial para Strategic Culture   Com o espectro de uma Nova Grande Depressão pairando ...

Anglo-sionistas lançam Operação Psicológica contra a China

22/4/2020, The Saker, Unz Review Talvez a narrativa de “culpa é dos russos” tenha azedado. Ou, quem sabe, os líderes do Império deram-se conta, afinal, de que a China é ainda mais perigosa para o Império, que a Rússia. Mas meu palpite é simplesmente que os anglo-sionistas estão enlouquecendo com a desmoralização do “pleno espectro” ...

Multilateralismo ou Direito Internacional ?

Thierry Meyssan Contrariamente ao que se pensa, o multilateralismo que promovem os Europeus não se opõe ao bilateralismo praticado hoje em dia pelos Estados Unidos, mas ao Direito Internacional. O «Forum de Paris sobre a paz», organizado pelo Presidente Emmanuel Macron, não permitiu alcançar um método para prevenir os conflitos, apenas tentar salvar o que ...

A comunicação, única aposta da cimeira do G-7 em Biarritz

Thierry Meyssan O G7, que era originalmente um lugar de conversas entre dirigentes ocidentais para melhor compreender os pontos de vista respectivos, tornou-se uma questão de comunicação. Longe de expor à porta fechada os fundamentos do seu pensamento, os convidados tornaram-se atores de um show mediático onde cada um tenta fazer boa figura. O pior ...

De quem Emanuel Macron é devedor ?

Thierry Meyssan Apresentam muitas vezes o Presidente Macron como um Rothschild Boy. É exato, mas acessório. Thierry Meyssan mostra que ele deve a sua campanha eleitoral sobretudo a Henry Kravis, o patrão de uma das maiores sociedades financeiras globais, e à OTAN; uma enorme dívida que pesa hoje em dia sobre a solução da crise ...

Na Líbia, Trump aposta na Itália contra a França

Rede Voltaire | 8 de Agosto de 2018 Recebendo o Primeiro-ministro italiano, Guiseppe Conte, em 21 de Julho de 2018, o Presidente Donald Trump confirmou publicamente que reconhecia a preeminência da Itália na Líbia. Ao fazê-lo, a Casa Branca minava os esforços do Eliseu de se apropriar do petróleo líbio. Durante a guerra da Administração ...

« A Arte da Guerra » Os destruidores da Líbia, agora «pela Líbia»

Por Manlio Dinucci Depois do insucesso de Emmanuel Macron em resolver a crise da Líbia, é a vez de Giuseppe Conte tentar algo. Roma está melhor posicionada do que Paris, pois tem o apoio da Casa Branca. No entanto, há pouca probabilidade de conseguir seja o que for, pois as “boas fadas” atuais, são os ...

ONU : nascimento do mundo pós-ocidental

Thierry Meyssan A Administração da ONU esperava por um choque entre os pró e os anti-Trump durante a Assembleia Geral. O que aconteceu foi completamente diferente. Enquanto vários Estados, entre os quais a França, denunciavam os métodos do hóspede da Casa Branca, a Rússia dedicou-se a uma análise da aliança ocidental. Segundo Moscou, a grande ...

A Líbia segundo a ONU e a dura realidade

Thierry Meyssan Apesar da boa vontade de alguns participantes, a conferência de Paris para a Líbia não trouxe os efeitos imaginados. Para Thierry Meyssan, isso explica-se pela linguagem dúplice da OTAN e da ONU, que fingem desejar estabilizar o país enquanto as suas atuações prosseguem o plano Cebrowski de destruição das estruturas estatais. A encenação ...

Amizade colorida Trump-Macron vira amor-bandido

27/4/2018, MK Bhadrakumar, Oriental Review   A visita oficial de três dias do presidente francês Emmanuel Macron aos EUA acabou por se converter em desastre para o anfitrião Donald Trump. É a primeira vez que Trump oferece jantar oficial a dignitário estrangeiro, evento de alta voltagem cerimonial. Provavelmente pretendia que o simbolismo destacasse a amizade ...