A ilusão da erradicação do Daesh/ISIS/”Estado Islâmico”

Thierry Meyssan A queda do Califado e a dispersão dos jihadistas do Daesh (E.I.) abriram um período de reciclagem deste pessoal. Considerados, segundo os casos, como combatentes fanáticos ou simples psicopatas escondidos atrás de uma ideologia, eles são cortejados pelos Estados e pelas sociedades multinacionais que indiretamente os tem empregado. Thierry Meyssan traça o ambiente ...

Thierry Meyssan – Confronto no Bilderberg 2017

Na altura em que o Presidente Trump parece ter, mais ou menos, regulado os seus problemas de autoridade interna o conflito desloca-se para o seio da OTAN: Washington advoga contra o uso manipulador do terrorismo, enquanto Londres não pensa abandonar uma ferramenta tão eficaz aos seus interesses. O Grupo de Bilderberg, inicialmente organizado como uma ...

Irmandade Muçulmana e o potencial da Bósnia para o jihadismo extremista

William Engdahl, trad: btpsilveira Excerto da transcrição de uma entrevista Se voltarmos aos anos 90s, veremos que a CIA e as forças especiais dos Estados Unidos criaram a guerra da Iugoslávia para acabar com o país. Ao mesmo tempo, os Estados Unidos se esforçavam para dividir a antiga União Soviética em repúblicas variadas, mais a ...

Quem usa a Imprensa e a Justiça contra Trump & Fillon?

Por Thierry Meyssan Como não ficar impressionado com a semelhança entre as campanhas visando abater Donald Trump e François Fillon? Como não notar que estes dois homens, de personalidade e ideologia muito diferentes, ameaçam os mesmos interesses? Rede Voltaire | Damasco (Síria) | 13 de Fevereiro de 2017 Simultaneamente, enormes campanhas de imprensa são desenvolvidas, ...

Thierry Meyssan- Os sorrisos da Senhora May.

Enquanto a entronização de Donald Trump abre uma nova era nas relações internacionais, cada um dos Estados tenta reposicionar-se. Contudo, o governo britânico, o qual viu ser-lhe imposto o Brexit por referendum, busca conciliar os interesses da sua classe dirigente com os do seu povo. Para o conseguir, a Primeiro-Ministro Theresa May explora opções contraditórias. ...

Thierry Meyssan: A reviravolta da Turquia.

O Presidente Vladimir Putin anunciou ter concluído um cessar-fogo na Síria com a Turquia, até aqui o principal apoio operacional dos jihadistas. Como se explica este golpe de teatro ? Irá o Presidente Erdoğan conseguir fazer bascular o seu país da influência norte-americana para a da Rússia ? Quais são as causas e as consequências ...

O que ainda falta para pôr Hillary Clinton no xadrez?!

3/10/2016, Pepe Escobar, SputnikNews Traduzido por Vila Vudu Virtualmente todo o planeta prende a respiração coletiva, ante a possibilidade de Hillary Clinton vir a ser a próxima presidenta dos EUA [ing. POTUS]. Como é humanamente possível, com a diária, incansável Fogueira dos Escândalos – alimentada sem parar pelas revelações de WikiLeaks, agora já convergindo com ...

EUA na Síria: Como construir um estado terrorista

 28/9/2016, Toni Cartalucci,* NEO, New Eastern Outlook Traduzido por Vila Vudu Uma nação é suas instituições. Se essas instituições são enfraquecidas, a própria nação é enfraquecida. E se essas instituições são destruídas, a nação, em relação a todos os próprios objetivos e projetos, também será destruída. Exemplo dramático de como destruir uma nação apareceu aos ...

A China e a Síria

A China e a Síria
Thierry Meyssan Muito embora se ignore o que foi verdadeiramente acordado entre os exércitos chinês e sírio, a simples existência de um acordo entre eles muda tanto o campo de batalha como o equilíbrio das relações internacionais. Enquanto, no ano passado, os serviços secretos(inteligência) anglo-saxónicos difundiam intoxicações fantasistas sobre este mesmo assunto, agora Thierry Meyssan ...

O Estado Islâmico é político e utiliza a religião como referência

Pedro García Hernández REDE VOLTAIRE | 5 DE MAIO DE 2016 Thierry Meyssan [Prensa Latina] Para Thierry Meyssan, presidente e fundador da Rede Voltaire, o Estado Islâmico ou Daesh, é um movimento essencialmente político que utiliza a religião como referência para provocar o caos e desunir o mundo árabe. Em entrevista a Prensa Latina, o ...