A ferida colonial francesa no Líbano

Por Badra El Cheikh Outubro 19, 2020 A explosão que devastou Beirute em 4 de agosto de 2020 agravou a já turbulenta situação econômica e política do Líbano. Desde outubro de 2019, manifestações   contra o atual governo tomaram as ruas do país, reivindicando o fim da corrupção, da negligência e de outras mazelas causadas pelo ...

Gabinete do Comitê Central do Partido Comunista da China “Orientações para Fortalecer o Trabalho da Frente Unida da Economia Privada na Nova Era”

15/9/2020, Xinhuanet, Rede de Comunicações do Estado do Povo Chinês (trad. automática mandarin-port. de Xinhuanet, revista*) O Gabinete do Comitê Central do Partido Comunista da China emitiu suas “Orientações para Fortalecer o Trabalho da Frente Unida da Economia Privada na Nova Era”. O Gabinete do Comitê Central do Partido Comunista da China também distribuiu ordens de ...

Líbano em números: Oi libanês! Começou a era da austeridade. . As importações caíram 50%

Por Eva Lubi Haidar, Líbano 18/09/2020 para o Jornal Jamhourye, Traduzido do árabe para o português por Dr. Assad Frangieh_ Escreve a jornalista Eva Lubi Haidar no jornal libanês “República”: Espera-se que o valor das importações do Líbano diminua significativamente até o final deste ano, em comparação com os anos anteriores. Percebe-se que os bens ...

Nossa civilização-atoleiro – A verdade olho no olho

18/5/2020, Alastair Crooke, Strategic Culture Foundation Onde se vê que o presidente Lula e Alastair Crooke tiveram exatamente a mesma ideia, no mesmo momento: o coronavírus traz-nos a oportunidade de analisar também o impossível, como saída para o desespero em que a humanidade vai mergulhando. É ideia que nasceria do espírito empenhado de um Sun Tzu, ...

‘Economia de Resistência’ iraniana: sonho pós-corona da maioria silenciosa no ocidente (1/2)

24/4/2020, Ramin Mazaheri, The Vineyard of the Saker e PressTV Quer dizer então, que teve de acontecer uma pandemia plus confinamento, para que alguns no Ocidente se apercebessem de que esse liberalismo econômico clássico em escala global – i.e. a estreita hiper-especialização da divisão do trabalho de Adam Smith e a teoria da vantagem competitiva ...

Líbano: “E agora José”

Por Assad Frangieh 23/01/2020 O Gabinete de Ministros no Líbano já está formado. Receberá o voto de confiança do Parlamento com maioria simples. Pode não ter recebido uma grande aprovação popular, porém seria isso possível com mais de 72 associações, partidos e agrupamentos alegando a representatividade da Rua? Há como contemplar num único gabinete de ...

‘Nova revolução iraniana’ é (mais uma!) ficção da mídia ocidental. Pesquisas mostram realidade bem diferente

27/11/2019, Sharmine Narwani,* RT Dados de duas pesquisas feitas por empresas estrangeiras narram história muito diferente dos protestos no Irã. A economia enfrenta problemas graves, mas a maioria dos iranianos aprovam as iniciativas de segurança do próprio governo e rejeitam qualquer tipo de ‘levante’ doméstico. Dia 15 de novembro, iranianos irados começaram a sair às ...

Como Arábia Saudita teria arquitetado assassinato de inimigos iranianos? Mídia dá detalhes

 12.11.2018 Funcionários da inteligência saudita próximos ao príncipe herdeiro do país, Mohamed bin Salman, discutiram no ano passado com um grupo de empresários o possível uso de empresas privadas para assassinar inimigos iranianos do reino árabe, informou no domingo (12) The New York Times, citando fontes anônimas familiarizadas com essas conversações. Segundo o jornal norte-americano, ...

Rússia joga o Jogo Longo, sem espaço para estratégias golpistas e o gozo instantâneo de alguns 1

24/8/2018, Andrei Martyanov,* Unz Review Imagem: Selo postal, Pyotr Stolypin Vivemos no mundo dos modelos, todos os tipos de modelos. Alguns são simples, outros – muito complexos. A principal serventia de tais modelos é prever como as coisas que os modelos descrevem comportar-se-ão caso a caso. Alguns daqueles modelos funcionam brilhantemente; outros fracassam miseravelmente. Os ...

China: alguma ordem pós-neoliberal?

9/7/2018, Martin Jacques,* entrevista a Yohann Koshy, New Internationalist “China é uma superpotência que ‘entende’ o mundo em desenvolvimento melhor que EUA, FMI ou Banco Mundial. (…) A questão realmente interessante hoje é: como o ocidente lidará com o próprio declínio relativo?” (Martin Jacques) _________________________ Yohann Koshy (YK): Como a China responde à crise financeira ...