Presidente Vladimir Putin, entrevista ao BILD

11/1/2016, Socchi, Rússia (publicada em duas partes) Nikolaus Blome (ed.-chefe), Kai Diekmann (publisher) e Daniel Biskup (fotos) Tradução Vila Vudu ______________________________________ “Fronteiras e territórios nacionais não são o mais importante“ [1ª. parte: Socchi 11/1/2016] BILD: Sr. presidente, há 25 anos, celebramos o fim da Guerra Fria. Agora tivemos um ano de mais crises e guerra ...

Amigo inesperado: Rússia pode ganhar novo aliado na Síria, mas quem será?

Muitos pensam que os eventos da I e da II Guerras Mundiais não passam de história antiga sem nenhuma influência sobre a realidade geopolítica atual. No entanto, de acordo com o cientista político e jornalista norte-americano Phil Butler, certos “aspectos técnicos” há muito esquecidos podem inesperadamente se tornar a chave para a paz na Síria. ...

A quem interessa a guerra civil síria? Potências internacionais têm interesse em manter o conflito 2

Publicado por Monitor Mercantil- 29/12/2015 – Damasco – As galopantes evoluções da guerra civil na Síria envolvem interesses em choque mútuo e oposições que dificilmente poderão ser explicadas e que têm começado a conformar o quadro de algo que poderá ser identificado como um atual 1984. George Orwell (Eric Arthur Blaire) descreve em sua obra um ...

OTAN tira onda de botá pá quebrá (a Síria)* 1

15/12/2015, Pepe Escobar, RT Traduzido por Vila Vudu Os Serviços de Segurança, Serviços Secretos e Serviços Especiais da Federação Russa (FSB, SVR e GRU), quanto mais descobrem as conexões corretas, mais têm de concluir que Washington decidiu deixar que a Guerra Fria 2.0 escale até entrar em ebulição. Imagine a inteligência russa examinando o tabuleiro ...

Oriente Médio: a reformatação imperialista

7/12/ 2015, Joseph Kishore, World Socialist Website (WSWS) Traduzido por Vila Vudu Eventos da semana passada passarão à história como pedra de toque no desenvolvimento do imperialismo no século 21. No período de poucos dias, EUA, Grã-Bretanha e Alemanha escalaram no respectivo envolvimento militar na Síria, depois que a França intensificou sua campanha de bombardeio ...

A Alemanha tenta safar-se do conflito sírio

Thierry Meyssan A Alemanha tenta deixar o papel que lhe atribuíram durante o conflito sírio. O ministro dos Negócios Estrangeiros, Frank-Walter Steinmeier, procura organizar uma reunião cimeira entre grandes potências para negociar a paz. Mas, este projeto será muito difícil de concretizar, quer porque a Alemanha tem uma pesada responsabilidade na guerra, como porque a ...

Moscou convoca adidos militares ocidentais plus sauditas: quer explicações sobre acusações ‘midiáticas’ de ataques a civis 1

  27/10/2015, Sputinik News Tradução Vila Vudu O Ministério da Defesa da Rússia convocou OTAN e Arábia Saudita, para que expliquem acusações de que aviões russos teriam atirado contra hospitais na Síria – disse hoje o vice-ministro da Defesa da Rússia, Anatoly Antonov.   “Interpelamos oficialmente hoje os adidos militares de EUA, Reino Unido, França, ...

Varoufakis, ex ministro das Finanças da Grécia, fez o que tinha de ser feito

1/8/2015, Philippe Legrain, The Guardian, in Yanis Varoufakis Blog Traduzido por Vila Vudu Yanis Varoufakis é hoje homem de bem poucos amigos nos círculos oficiais. O sempre incisivo ex-ministro das Finanças da Grécia há muito tempo vem sendo furiosamente criticado por seus hoje ex-contrapartes na Eurozona cujas mediocridades Varoufaki impressionou negativamente. Depois que foi demitido ...

” Uma potência nuclear terrorista”

Moara Crivelente * A estimativa já é conhecida: Israel possui cerca de 80 ogivas nucleares não declaradas e não verificadas pelos mecanismos internacionais competentes, de acordo com o Instituto Internacional de Pesquisa sobre a Paz de Estocolmo (Sipri, na sigla em inglês). Por isso, a reação israelense ao acordo nuclear com o Irã, anunciado nesta ...

Pepe Escobar: acordo nuclear arrasta-se. EUA-Irã em guerra de informação

30/6/2015, [*] Pepe Escobar, Asia Times Online “Nuke deal inches ahead as US-Iran play information war: Escobar” Traduzido pelo pessoal da Vila Vudu VIENA – Assim sendo, hoje não é o Dia-D. Nada de pouso no território por trás do Muro da Desconfiança. Não haverá acordo nuclear entre Irã e P5+1 hoje – e por ...