Sobre armas quimicas: “Temos um baita problema”

Share Button
  • Resultado de imagem para fake news armas quimicas

25/6/2017, Seymour M. Hersh, Welt Am Sonntag, Alemanha

Traduzido por Vila Vudu

 

Oficiais de inteligência não acreditaram no suposto ataque com gás sarin em Khan Sheikhoun. Welt Am Sonntag apresenta o protocolo de uma conversa entre um conselheiro de segurança e um soldado norte-americano da ativa, em serviço numa base chave da região.

O registro dessa conversa foi entregue a Seymour Hersh.

Fizemos abreviações: Soldado Americano (SoldAm) e Assessor de Segurança (AsseSeg). Welt Am Sonntag sabe o local preciso do encontro. Por razões de segurança, alguns detalhes de operações militares foram omitidos.

6 de abril, 2017

Soldado Americano (SoldAm): Temos um baita problema.

Assessor de Segurança (AsseSeg): O que aconteceu? É Trump, que está ignorando a inteligência e vai atacar os sírios? Estamos mijando nos russos? É isso?

SoldAm: Não pode ser pior… As coisas estão degenerando.

AsseSeg: Você talvez nem tenha visto a conferência de imprensa de Trump ontem. Ele abraçou a história da mídia, sem nem perguntar se havia inteligência! Estamos a um passo de os russos nos darem um pé na bunda. Fucking perigoso. Onde estão os malditos adultos? O fracasso da cadeia de comando para dizer a verdade ao presidente, ele queira ou não queira ouvir, ficará na história como um dos nossos piores momentos.

SoldAm: Não sei. Nada disso faz sentido. Nós SABEMOS que não houve ataque químico. Os sírios atacaram um depósito secreto de armas (é legítimo alvo militar) e houve dano colateral. Foi isso. Não houve nenhum tipo de ataque químico.

AsseSeg: E agora estamos despejando um monte de merdas de Tomahawks) em cima deles.

SoldAm: Sempre houve uma agenda oculta. Estão sempre tentando pegar o Irã. O que o pessoal à volta de Trump não compreende é que os russos não são tigres de papel e têm capacidade militar mais robusta do que a nossa.

AsseSeg: Não sei o que os russos vão fazer. Talvez fiquem atrás e deixem os sírios defender as próprias fronteiras, ou podem prover algum tipo de apoio morno, ou podem nos detonar, nos mandar prá porra de bem longe do espaço aéreo e de volta para o Iraque. No momento, sinceramente, não sei o que esperar. Sinto que tudo é possível. O sistema de defesa aérea dos russos é capaz de destruir nossos TLAMs. É negócio muito muito grande… E estamos ainda pensando em avançar…

AsseSeg: Você tem toda a razão. Claro que a Rússia não vai esperar sentada, não vai deixar acontecer.

AsseSeg: Quem está fazendo isso? Vem de Votel? (General Joseph L. Votel, Comandante do Comando Central dos EUA, NEd)?

SoldAm: Não sei. Vem de alguém bem grande… É negócio muito muito grande.

SoldAm: Só pode estar vindo do presidente.

SoldAm: Eles [os russos] estão avaliando as suas opções. Há indícios de que serão apoiadores passivos da Síria e não usarão seus sistemas… a menos que gente deles seja ameaçada. Em outras palavras, o céu está sinistro.

7 de abril, 2017

AsseSeg: O que os russos estão fazendo ou dizendo? Estou correto, e não causamos nenhum dano real à Rússia ou à Síria?

SoldAm: Graças a Deus não atingimos coisa alguma. Eles recolheram toda a aviação e o pessoal. Basicamente, demos a eles um show caríssimo de fogos de artifício.

AsseSeg: Eles sabiam onde estavam os navios deles e assistiram a todo o ataque, do lançamento até o fim.

SoldAm: Os russos estão furiosos. Dizem que temos a inteligência correta e que sabemos a verdade sobre o ataque ao depósito de armas.

SoldAm: E estão certos.

SoldAm: Acho é que não fez diferença nenhuma, elegermos Clinton ou Trump. Foda.

SoldAm: Em primeiro lugar, ninguém está dizendo a verdade sobre a razão completa pela qual estamos no Iraque e na Síria. Que a missão agora fodeu.

SoldAm: Algum dos seus colegas estão irritados, ou todos vão continuar com a mesma merda, dizendo que está tudo bem?

SoldAm: Parece um hospício… Até dissemos aos russos, uma hora antes do impacto…

SoldAm: Mas claramente eles já sabiam o que ia acontecer.

AsseSeg: Oh, claro que sim.

AsseSeg: Agora a Fox está dizendo que escolhemos atacar o campo de pouso sírio, porque os ataques químicos foram lançados de lá. Wow. Não há meio de acertar essa merda?!

SoldAm: Eles estão acertando, quero dizer, aumentando a merda que começaram.

SoldAm: É tão, tão grave…

AsseSeg: Deus nos ajude!!!

8 de abril, 2017

SoldAm: Os russos estão sendo extremamente razoáveis. Apesar do que a mídia noticia, os russos continuam tentando desconflitar e coordenar a campanha aérea.

AsseSeg: Acho que os russos ainda não se deram conta de o quanto Trump está realmente agindo como doido, nessa questão. E acho que nós não vamos gostar do dano que os russos nos podem fazer.

SoldAm: Os russos estão mostrando impressionante contenção e calma inacreditável. Parecem interessados principalmente em desescalar tudo. Acho que não querem perder nosso apoio para ajudá-los a destruir o ISIS.

AsseSeg: Mas tenho a impressão de que só insistirão nessa abordagem enquanto acreditarem que possa funcionar. Se nós insistirmos nessa nossa atitude agressiva, mais dia menos dia eles revidarão.

Share Button

Deixar um comentário