Riad compra uma “Cúpula de Ferro” israelense

Share Button

R


Um sistema israelense de proteção face a obuses e foguetes de curto alcance, “Cúpula de Ferro”, teria sido vendido à Arábia Saudita segundo a imprensa árabe. Os Estados Unidos teriam facilitado a transação.

A “Cúpula de Ferro” foi concebida pela Rafael Advanced Defense Systems. Ela está  ativa desde 2011 ao longo da Faixa de Gaza e, desde 2017, no mar a bordo de corvetas. O seu custo, normalmente proibitivo, é suportado pelos Estados Unidos. O lobby israelense no Congresso dos EUA faz campanha pela compra da “Cúpula de Ferro” para proteger a Coreia do Sul e os Estados limítrofes da Rússia.

Ele inclui radar de varredura eletrônica tridimensional, um computador de gerenciamento de batalha, armamento e lança-mísseis. O radar já foi vendido a nove Estados, mas não há mercado internacional na proteção face a foguetes de curto alcance. Apenas a Roménia comprou o conjunto do sistema, em Maio de 2018.

A Arábia Saudita acaba de comprar uma “Cúpula de Ferro” para proteger a sua fronteira dos disparos provenientes do Yêmen. No entanto, este sistema não protegerá Riad de mísseis de médio alcance. Segundo o Basler Zeitung , as negociações estavam em curso desde Janeiro de 2018.

Na prática, Arábia Saudita e Israel aproximaram-se desde 2009. Então, nós havíamos sido os primeiros a anunciar que Riad tinha financiado a guerra israelense contra os Palestinos de Gaza [1].

Em Novembro de 2013, o New York Times informava que o Presidente Shimon Peres participara numa reunião do Conselho de Segurança do Golfo [2].

A partir de Janeiro de 2014, Israel e a Arábia Saudita travaram negociações secretas, durante 17 meses, em vários países terceiros [3].

Finalmente, em 2015, constituíram na Somalilândia um Estado-maior conjunto dos dois países para supervisionar a guerra no Yêmen, indicou a Stratfor.

As antigas alianças que vigoravam no Médio-Oriente Médio estão em curso de se modificar profundamente, como atesta, por exemplo, a compra pela Turquia, membro da OTAN, do sistema de defesa anti-aérea russo S-400.

Tradução Alva

[1] “A guerra israelense é financiada pela Arábia Saudita”, Thierry Meyssan, Rede Voltaire, 14 de Janeiro de 2009.

[2] “O presidente de Israel falou perante o Conselho de Segurança do Golfo em fins de novembro”, Tradução Alva, Rede Voltaire, 8 de Dezembro de 2013.

[3] “Exclusivo : Os projectos secretos de Israel e da Arábia Saudita”, Thierry Meyssan, Tradução Alva, Rede Voltaire, 22 de Junho de 2015.

Share Button

Deixar um comentário