Delegação de jogadores palestinos chega ao Brasil

Share Button

Oriente Mídia

O presidente da Federação Palestina de Futebol, Jibril Rajub, e o embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Alzeben.

O presidente da Federação Palestina de Futebol, Jibril Rajub, e o embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Alzeben.

Uma delegação de 15 palestinos, integrantes da Federação Palestina de Futebol, arrivou a São Paulo  na última sexta-feira, dia 6 de junho, com o propósito de apresentar provas sobre abusos e desrespeito aos direitos humanos de atletas palestinos cometidos por Israel, aos membros do 64º Congresso da FIFA que acontecerá entre os dias 10 e 11 de junho. A delegação irá solicitar que se aplique o Estatuto da Fifa e a Carta Olímpica e que sejam impostas sanções ao país agressor, além de  exigir que Palestina (como país membro) tenha seus direitos plenamente respeitados dentro da entidade.

Art. 2 do Estatuto da Fifa

2.1 não deverá haver discriminação a um país ou a um indivíduo por razões de raça,religião ou política;

2.2 a associação que tolerar, permitir ou organizar competições nas quais a discriminação é praticada, ou que for estabelecida num país onde a discriminação no esporte for declarada em lei, não deverá ser admitida na FIFA, ou deverá ser expulsa se já for membro.

Antes da entrega da documentação no Congresso da Fifa, haverá uma coletiva de imprensa, onde o presidente da Federação Palestina de Futebol, Jibril Rajub, e jogadores da seleção palestina apresentarão aos jornalistas as denúncias das constantes violações dos direitos humanos cometidas contra os atletas.  Entre os abusos documentados fartamente se encontram detenções arbitrárias,  bombardeio a centros esportivos, humilhações em postos de controle militar, interrupção de jogos e treinos à força e o uso de armas de fogo para ferir gravemente os atletas.

Amistoso, confraternização e documentário

Hoje, domingo 8 de junho, aconteceu uma partida amistosa entre os jogadores palestinos e uma equipe não profissional brasileira. A partida terminou com um placar de 6X4 para os palestinos.

foto 1
Durante a confraternização, conhecemos um grupo cinegrafistas que estão realizando um documentário sobre a situação dos atletas palestinos. Eles vieram ao Brasil para acompanhar a entrega das denúncias aos membros do Congresso da FIFA nos próximos dias. Yallah Yallah é a primeira co-produção cinematográfica Argentino-Palestina.

Para acompanhar esta iniciativa ao vivo, aconselhamos a seguir as páginas de Free Palestinian Football no Twitter e Facebook:

6gziEIgj

@freefootball194

#freePalestinianFootball

FB/ FreePalestinianFootball

Share Button

Deixar um comentário