Tunísia : a conversão do Ennahda (Partido da Irmandade Muçulmana)

REDE VOLTAIRE | 26 DE MAIO DE 2016 O partido político dos Irmãos Muçulmanos na Tunísia, Ennahda (o movimento da Renascença), decidiu aquando do seu Xº Congresso Nacional, a 22 de Maio de 2016, separar as suas actividades religiosas da sua política, a fim de se tornar um «partido civilista». Além disso, esta reforma será ...

Petroimperialismo- O fenômeno do extremismo petroislamista

16/12/2015, Nauman Sadiq,[1] The Vineyard of the Saker “Religião pode ter sido fator determinante em tempos passados, se tanto; mas a política contemporânea só tem a ver, exclusivamente, com poder e economia: empresas ocidentais governam o mundo; e política e diplomacia existem para proteger o comércio e os negócios de energia do Império-Empresa. Assim, a ...

Terrorismo religioso

19.11.2015 |Fonte de informações: Pravda.ru Não existe terrorismo religioso. O que ocorre, na realidade, é o uso indevido da religião para a realização de interesses de pessoas, de grupos ou até mesmo de países, ou ainda de grupo de países. Leia a análise do presidente em exercício do ICArabe, José Farhat.O termo “terrorismo” talvez seja ...

Hezbollah diz que extremismo afeta mais Maomé do que cartunistas

Foto: Fotolia/Oleg_Zabielin Foto de arquivo O líder do grupo xiita libanês Hezbollah, Hassan Nasrallah, disse que os grupos takfiris (radicais sunitas) prejudicam mais o profeta Maomé e o Islã do que os cartunistas que debocham da religião. Durante um discurso na sexta-feira, 9, o líder afirmou que “estes grupos (radicais sunitas) atentam contra Alá e ...

Alemães se revoltam contra islamização do Velho Continente

Por: Oleg Severguin Foto: Flickr.com/Raul Lieberwirth/cc-by-nc-nd Os combates permanentes travados no Oriente Médio são uma das razões para o interminável fluxo de imigrantes para a Europa. Os originários de países muçulmanos de África e do Oriente Médio abusam frequentemente dos benefícios concedidos pelos países europeus, provocando o descontentamento da população local. Assim, na Alemanha foi recentemente ...

Teologia da Libertação Palestina: o que é?

Teologia da Libertação Palestina: o que é?
Por Ali El-Khatib. Naim Ateek acredita que não se pode tomar a Bíblia literalmente. Ele tem um problema especial com a Torá (o Pentateuco), que considera um “texto sionista”, e com os livros de Josué, Juízes, 1 e 2 Samuel, e 1 e 2 Reis – os quais confirmam que Deus deu a terra de Israel ...