A Turquia renuncia pela segunda vez ao Califado

Thierry Meyssan No islã, o papel do Papa não cabe a um teólogo, mas como no Cristianismo, na época romana, ao chefe de Estado mais poderoso. A função de Califa tornou-se muito mais uma questão política do que espiritual. Depois de ter acreditado que o Califado do Daesh oferecia à Turquia a possibilidade de reencontrar ...

Livro: “Sob os nossos olhos” De 11-de-Setembro a Donald Trump (6/25)

Primeiros reveses dos Irmãos Muçulmanos Thierry Meyssan Prosseguimos a publicação do livro de Thierry Meyssan, «Sous nos yeux» (Sob os Nossos Olhos). A sorte dos acontecimentos dá uma volta neste episódio. O Presidente Americano-Egípcio Mohamed Morsi é derrubado no seguimento de manifestações monstras, enquanto que a tomada de Damasco falha. Rede Voltaire | Damasco (Síria) ...

Livro: “Sob os nossos olhos” De 11-de-Setembro a Donald Trump (5/25)

Os Irmãos Muçulmanos como membros do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca Thierry Meyssan Nós prosseguimos a publicação do livro de Thierry Meyssan, «Sous nos yeux» (Sob os Nossos Olhos). Neste episódio, ele regressa ao primeiro semestre de 2011 no decurso do qual, apoiados pelos Estados Unidos e o Reino Unido, os Irmãos Muçulmanos ...

Jamal Khashoggi e o complô frustrado contra MBS

Rede Voltaire | 16 de Outubro de 2018 O jornalista saudita Jamal Khashoggi desapareceu no consulado da Arábia Saudita em Istambul, a 2 de Outubro de 2018. Segundo a imprensa dos EUA, uma armadilha ter-lhe-ia sido estendida por ocasião de uma reunião para lhe fornecer novos documentos de identidade, tendo em vista o seu novo ...

Porque Washington faz pressão sobre a Jordânia ?

Thierry Meyssan As manifestações jordanas marcam um novo episódio da primavera árabe ou, pelo contrário, exercem pressão sobre o Rei Abdallah II tendo em vista a sua aceitação do plano EUA para a Palestina ? Rede Voltaire | Damasco (Síria) | 12 de Junho de 2018 No início de Junho, a Jordânia foi sacudida por ...

Thierry Meyssan – Trump avança os seus peões

Thierry Meyssan observa as ações do Presidente Trump para convencer os seus aliados, e os seus parceiros, a deixar cair os jihadistas que apoiam, armam e enquadram. Contrariamente ao que a imprensa internacional e os seus adversários políticos salientam, a Casa Branca prossegue sem descanso, desde há quatro meses, uma política anti-imperialista que começa a ...

Os jihadistas ao serviço do imperialismo

Thierry Meyssan Os governos ocidentais já não fazem segredo sobre a utilização dos jiadistas. Foi assim que a Otan derrubou Mouamar el-Kadhafi utilizando, para tal, a al-Qaida como única infantaria no terreno ; Israel afastou a Força das Nações Unidas no Golã e substituiu-a pela al-Nusra ; a Coligação internacional anti-Daesh deixou cair Palmira para ...