Tony Cartalucci: Agressão da OTAN alcança águas russas

Por Tony Cartalucci Pesquisa Global, 07 de dezembro de 2018 O recente incidente no Estreito de Kerch marca uma nova baixa em meio à expansão liderada pelos EUA da OTAN para o leste. A provocação intencional executada por Kiev viu três navios navais ucranianos apreendidos pela Rússia. Os navios violavam intencionalmente o protocolo de passagem pelo ...

O balanço de Joe Biden em política externa

Rede Voltaire | 20 de Dezembro de 2021 Segundo a porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, as três principais realizações da Administração Biden em política externa em 2021 são:  1. « Reconquista do nosso papel de liderança nas instituições internacionais e a reunião dos dirigentes mundiais para fazer reais progressos quanto aos maiores desafios de ...

Cúpula para a « Democracia » Não existem « valores comuns » entre os Europeus e os EUA

Thierry Meyssan A cúpula virtual para a democracia, organizada a partir de Washington, é um gigantesco qui-pro-quo. Muitos comentadores notaram que ela não visa promover um regime político, mas consolidar ideologicamente a aliança militar por trás dos Estados Unidos ; uma evolução que prepara novas guerras. Thierry Meyssan mostra que, longe de ser hipócrita, Washington ...

O Pentágono confirma que a «guerra sem fim » continua

Rede Voltaire | 4 de Outubro de 2021 Segundo o porta-voz do Pentágono, o Almirante John Kirby, o Presidente Joe Biden está autorizado a bombardear as células do Daesh (E.I.) no Afeganistão em virtude da lei que autoriza a utilização da força militar de 2001 (Authorization for Use of Military Force — AUMF). Trata-se de ...

Washington define sua atitude face à China

Rede Voltaire | 7 de Outubro de 2021 Washington tenta redefinir sua prioridade estratégica. O Presidente Donald Trump havia afirmado que não deveria ser mais a luta contra o « terrorismo », mas a competição econômica (econõmica-pt) com a China. O Presidente Joe Biden entende especificar a cooperação possível durante esta competição. Sobre este assunto, ...

«A Arte da Guerra» A trágica farsa da Cúpula para a democracia

Manlio Dinucci Os EUA estão a lançar uma nova Guerra Fria, desta vez contra a Rússia e contra a China. Apesar dos seus antecedentes, apresentam-se como sendo os campeões da Democracia e não hesitam em apresentar as novas grandes potências como criminosos que assassinam o seu próprio povo. Rede Voltaire | Roma (Itália) | 7 ...

EUA, atacado no Oriente Médio

08/07/2021 Damasco, SANA Bombardeadas e fortemente danificadas. Foi assim que duas bases militares dos EUA na Síria e no Iraque ficaram nos últimos dias. Danos materiais, mas talvez o que mais preocupe o país norte-americano é o dano moral que pode estar sofrendo em uma região onde está cada vez mais acuado por conta da ...

Síria denuncia declaração sobre falsas vitórias dos EUA e do Ocidente sobre a organização terrorista Daesh

29/06/2021 Damasco, SANA A Síria esclareceu que as partes que contribuíram para derrotar a organização terrorista do Daesh são o Exército Sírio, as forças russas e iraquianas e não a chamada “Coalizão Internacional”. Em resposta aos resultados das últimas reuniões em Roma, o Ministério das Relações Exteriores e Expatriados expressou que a Síria lamenta que ...

Ialta 2 – Os EUA retiram seus mísseis Patriot do Oriente Médio

Rede Voltaire | 23 de Junho de 2021 Os Estados Unidos retiram sua defesa antiaérea do Oriente Médio Alargado. A Arábia Saudita, o Iraque, a Jordânia e o Kuwait são já visados pela retirada dos mísseis Patriot e a Arábia Saudita pelo sistema Thaaad (Terminal High Altitude Area Defense) [1]. O novo Embaixador de Moscou (Moscovo-pt) ...

Uma Nova Ordem do mundo toma forma- (Segunda parte) Biden-Putin, mais uma Yalta 2 do que uma nova Berlim

Thierry Meyssan Os Estados Unidos, categoricamente vencidos na Síria, foram a Genebra aceitar as condições do vencedor, a Rússia. A Cimeira de 16 de Junho de 2021 deverá colocar um termo às hostilidades na condição de que a Administração Biden controle as suas tropas. Os Europeus Ocidentais deverão pagar a conta. A China vê-se confirmada ...