Palestina: Tragédia e Retorno

Salem H. Nasser explica o que você precisa saber sobre o confronto mais recente Todo mundo sempre soube que havia palestinos na Palestina. Os primeiros sionistas, seculares, quando pegaram carona na promessa bíblica e escolheram a Palestina para construir o lar do povo judeu, sabiam que ali havia mais de meio milhão de palestinos muçulmanos, ...

Nakba: Dicionário da resistência à colonização e ocupação da Palestina por Israel

Sumud e sanaúd são alguns termos da resistência do povo palestino na luta por sua terra. Em árabe, significam, respectivamente, resiliência (na terra) e a asserção do retorno (“voltaremos”) de mais de seis milhões de refugiados. Neste 15 de maio, a nakba, “catástrofe” palestina, completa 70 anos. Mas esta não é só uma data histórica, é a narrativa de um ...

Conselho Mundial da Paz faz apelo para por fim ao massacre contra palestinos

Diante da brutalidade da repressão israelense das manifestações palestinas contra a ocupação e a colonização, que vitimou quase 60 pessoas nesta segunda-feira (14), a presidenta do Conselho Mundial da Paz, Socorro Gomes, emitiu uma contundente nota de repúdio, apelando pela libertação da Palestina e o fim do massacre. Socorro também marca o dia da Nakba, ...

Al’Nakba: A ferida que sangra e a profecia que não irá se cumprir

14/05/2018 Nesta terça-feira (15) os palestinos registram a passagem do 70º aniversário do que eles chamam de “A Catástrofe” (Al’Nakba). Por Wevergton Brito Lima* No dia 15 de maio de 1948, um dia depois da proclamação oficial da criação de Israel, os sionistas iniciaram uma cruel limpeza étnica contra o povo que habitava, há séculos, ...

Israel mata palestinos, e os liberais do Ocidente dão de ombros. Seu humanitarismo é uma farsa.

2Foto: Majdi Mohammed/AP3 de Abril de 2018, 12h48 “Se o conceito de intervenção é motivado pela universalidade dos direitos humanos, por que é então que as pessoas que se identificam como liberais intervencionistas nunca dão um pio em defesa de uma intervenção para proteger os palestinos?” Essa foi a minha pergunta ao filósofo francês, autor e ...

Carta de agradecimento à atriz Dani Suzuki por sua defesa à criança palestina

Estimada Daniela Suzuki Tomamos conhecimento, como instituição e como comunidade palestino-brasileira, integrante da diáspora palestina global, de postagem vossa, no Instagram, contendo manifestação de solidariedade à Palestina e de condenação do regime de Israel por sua conduta desumana de prender crianças palestinas, inclusive a partir de 12 anos, e condená-las a penas de prisão de ...

Psicopatas e Parafrênicos

Psicopatas e Parafrênicos
  Por Abdel Latif Hasan Abdel Latif, médico palestino. 11/12/2017 Ó menino, não sei seu nome, mas seu rosto é muito familiar. Já o encontrei várias vezes na minha vida,  nas estreitas ruas da minha pequena aldeia, nos bairros da cidade. Talvez eu o tenha visto na cidade velha de Jerusalém ou perto da Igreja da Natividade ...

Brasileiros de origem palestina querem reconhecimento de estado independente e pedido de desculpas da Grã Bretanha

Documento entregue na embaixada britânica marca os 100 anos do aval do governo daquele país para criar um território apenas para o povo judeu, o que causou a expulsão dos palestinos. A diretoria da Federação Árabe Palestina do Brasil (FEPAL) protocolou na tarde desta quarta-feira (1), na Embaixada da Grã Bretanha, em Brasília, uma carta ...

Ajustes no Oriente Médio

Ajustes no Oriente Médio
21/6/2017, Thierry Meyssan, Voltaire.net Enquanto os Estados do Oriente Médio Expandido se dividem entre partidários e adversários do clericalismo, Washington, Moscou e Pequim negoceiam uma nova orientação. Thierry Meyssan avalia o impacto deste tremor de terra sobre os conflitos palestino, sírio-iraquiano e iemenita. A crise diplomática em torno do Catar congelou diversos conflitos regionais e mascarou ...

Estados Unidos incrementam apoio militar ao país-exército Israel

Estados Unidos incrementam apoio militar ao país-exército Israel
Israel e EUA assinaram nesta quarta-feira (14) um acordo histórico. Não é inovador, mas é recordista: por 10 anos, os Estados Unidos enviarão a um projeto colonial assentado no genocídio dos palestinos e na ameaça constante a seus vizinhos US$ 38 bilhões (R$ 127 bilhões), apenas em “assistência militar”. E mais: o presidente estadunidense Barack ...